Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para fornecer a melhor experiência no nosso website. Política de Privacidade
PT EN

Feche a torneira à seca - ERSAR partilha medidas simples para poupar água

2022.08.10

Pequenas mudanças individuais têm um grande impacto coletivo. Por isso, a ERSAR partilha medidas simples que todos podemos colocar em prática.

​​​

No âmbito da Campanha de sensibilização “Vamos Fechar a Torneira", a ERSAR partilha algumas medidas simples que todos podemos colocar em prática para enfrentar a situação de seca que se vive em Portugal.

Pequenas mudanças individuais têm um grande impacto coletivo. Por isso, se ainda não adotou algumas destas medidas confira como pode começar já a poupar: ​


Medidas gerais de poupança

  • Corte com todos os gastos desnecessários e aumente a reutilização de água;
  • Feche ligeiramente as torneiras de segurança para reduzir o caudal de água à entrada;
  • Evite lavar o carro ou diminua a frequência com que o faz;
  • Quando lavar o carro, utilize baldes de água em vez de mangueira e água corrente e feche a torneira quando estiver a ensaboar o carro;
  • Em caso de cortes de fornecimento de água, armazene apenas a quantidade que vai necessitar e se lhe sobrar água não a deite fora, utilize-a;
  • Reduza o tempo de utilização de máquinas de lavar;
  • Substitua as torneiras da cozinha e da casa de banho, o chuveiro e o autoclismo por outros de menor consumo;
  • Mantenha em bom estado as tubagens de sua casa, torneiras, autoclismos e máquinas. Não deixe torneiras a pingar;
  • Se uma tubagem rebentar, feche imediatamente a torneira de segurança e contacte um canalizador;
  • Se detetar uma fuga na via pública (rua ou jardim), avise a entidade gestora do seu concelho.​


Na casa de banho:

  • Elimine descargas supérfluas de autoclismos e reduza a quantidade de água por descarga, colocando no depósito, por exemplo, uma garrafa de plástico cheia de água;
  • Tome duches rápidos e enquanto aguarda que a água aqueça, armazene num balde a água fria. Pode aproveitar esta água para regar as plantas, para lavar o chão ou para sanitas;
  • Não deixe a água a correr enquanto se ensaboa no duche, escova os dentes ou se barbeia.


Na cozinha:

  • Quando adquirir eletrodomésticos, opte pelos de menor consumo de água e de eletricidade;
  • Utilize as máquinas de lavar roupa e louça com a carga completa.  Opte por programas de menor consumo;
  • Se tiver urgência em lavar pouca quantidade de roupa, lave-a à mão e utilize um alguidar ou a bacia do lava-louça;
  • Se lavar louça manualmente, ponha a louça de molho antes da lavagem e evite lavá-la em água corrente;
  • Quando lavar frutas ou legumes, aproveite a água para regar plantas, para lavar o chão ou para sanitas.


Nas varandas e jardins:

  • Nas varandas opte por plantas que tenham pouca necessidade de água;
  • Nunca regue as plantas na hora de maior calor. Muita da água perde-se com o calor, por evaporação. Regue de manhã cedo ou à noite;
  • Adeque a rega à necessidade das plantas. Não regue em excesso;
  • Armazene e regue com água da chuva ou reutilize águas de uso doméstico, como as resultantes de lavar frutas e legumes ou a água fria que saiu do duche;
  • Cubra a terra dos vasos com casca de pinheiro ou outro material adequado. Diminui o contato direto da luz com o solo, conservando a humidade da terra.
  • Opte pelo cultivo de plantas naturais da região, pois estão mais adaptadas ao clima e requerem menos rega;
  • Diminua a rega dos jardins e hortas, implementando a rega de sobrevivência das zonas verdes;
  • Verifique se a mangueira tem fugas de água. Analise se se justifica substituir o sistema de rega por outro de menor consumo.

​​

Nos tanques e piscinas:

  • Evite encher tanques ou piscinas;
  • Recicle a água usada nos tanques e piscinas com um tratamento adequado;
  • Evite perdas por transbordo. Armazene e utilize água da chuva para suprir necessidades de reposição de água;
  • Faça lavagens frequentes dos filtros e realize periodicamente ensaios de estanquidade e deteção de fugas;
  • Instale uma cobertura de piscina e cubra-a quando não estiver a ser utilizada.


Saiba mais sobre a campanha "Vamos fechar a torneira" e consulte materiais de comunicação adicionais no Portal da Água em portaldaagua.pt.


 

 

Sessão de apresentação sobre “Regime legal da qualidade da água para consumo humano - Novos desafios e atribuições às autoridades de saúde”https://www.ersar.pt/pt/site-comunicacao/site-noticias/Paginas/webinar-regime-qualidade-agua-autoridades-saude.aspxSessão de apresentação sobre “Regime legal da qualidade da água para consumo humano - Novos desafios e atribuições às autoridades de saúde”A ERSAR disponibiliza as apresentações e conteúdos relacionados da recente sessão promovida em colaboração com a DGS e as autoridades de saúde regionais.2024-07-04T23:00:00Z
ERSAR publica relatório de Recolha Seletiva de Biorresíduos Alimentares - Resultados do Inquérito de Diagnóstico de 2024https://www.ersar.pt/pt/site-comunicacao/site-noticias/Paginas/relatorio-recolha-seletiva-biorresíduos.aspxERSAR publica relatório de Recolha Seletiva de Biorresíduos Alimentares - Resultados do Inquérito de Diagnóstico de 2024Considerando a relevância da recolha seletiva destes resíduos para o cumprimento das metas de preparação para reciclagem e reutilização e de desvio de aterro, a ERSAR realizou um inquérito junto das entidades gestoras a nível nacional.2024-07-09T23:00:00Z
Publicada nova legislação relativa ao controlo da qualidade da água para consumo humanohttps://www.ersar.pt/pt/site-comunicacao/site-noticias/Paginas/publicada-nova-legislacao-controlo-qualidade-agua-consumo-humano.aspxPublicada nova legislação relativa ao controlo da qualidade da água para consumo humanoFoi publicado o Decreto-Lei n.º 69/2023, de 21 de agosto de 2023, que determina as novas regras de controlo da qualidade da água para consumo humano.2023-08-20T23:00:00Z
Publicada a Decisão Delegada (UE) 2024/1441 da Comissão de 11 de março de 2024 estabelecendo uma metodologia para medir os microplásticos na água destinada ao consumo humanohttps://www.ersar.pt/pt/site-comunicacao/site-noticias/Paginas/decisao-delegada-controlo-qualidade-agua-microplasticos.aspxPublicada a Decisão Delegada (UE) 2024/1441 da Comissão de 11 de março de 2024 estabelecendo uma metodologia para medir os microplásticos na água destinada ao consumo humano2024-07-18T23:00:00Z