Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para fornecer a melhor experiência no nosso website. Política de Privacidade
PT EN

Dia Mundial da Água: a ERSAR dá hoje início ao processo de revisão do Sistema de Indicadores de Avaliação da Qualidade de Serviço como potenciador de eficiência

2021.03.22

Neste Dia Mundial da Água, a ERSAR anuncia o início do processo de revisão do Sistema de Indicadores de Avaliação da Qualidade de Serviço, que visa atualizar, adaptar e alinhar este sistema com as diretrizes dos dois novos planos estratégicos setoriais, bem como com as metas Europeias mais recentes e consequentemente aos novos desafios de gestão dos serviços de águas.

Considerando a rápida evolução do setor regulado e a revisão das linhas estratégicas atualmente em curso, que constarão dos dois novos planos estratégicos do setor, nomeadamente, o PENSAARP2030 e o PERSU 2030, a ERSAR considera fundamental proceder à revisão da 3.ª geração do Sistema de Indicadores de Avaliação da Qualidade de Serviço em vigor, viabilizando a atualização e adaptação deste sistema às linhas estratégicas dos dois planos setoriais e às metas Europeias mais recentes definidas para o setor, que culminará com a publicação da 4ª Geração, no final deste ano.

Presentes as atribuições da ERSAR e a reflexão que devemos levar a cabo neste dia Mundial da Água, é importante relembrar que a proteção dos interesses dos utilizadores e a salvaguarda da sustentabilidade ambiental, operacional e económica das entidades gestoras, se suporta na promoção do aumento da eficiência e eficácia dos serviços públicos regulados pela ERSAR.

O Sistema de Avaliação da Qualidade de serviço prestado aos utilizadores permite a recolha e divulgação de informação de cariz técnico e financeiro abrangente, fiável e auditada sobre os serviços de águas e resíduos prestados em Portugal, a qual tem sido amplamente reconhecida pelo setor como uma ferramenta regulatória de extrema importância e excelência, e que deve assim ser potenciada.

Neste Dia Mundial da Água, focamos o nosso olhar nos serviços de águas, onde a estratégia de eficiência e sustentabilidade deve ser alavancada por uma matriz de inovação na gestão destes serviços, que se espera para o sector na próxima década, em linha com o PENSAARP 2030.  É assim necessário, por exemplo, que o sistema de indicadores passe a incluir o serviço de gestão de águas pluviais, o que permitirá ter uma visão geral e integrada de todo o ciclo urbano das águas, e assim potenciar eficiências e inovação. Este será um avanço notável que permitirá apoiar a tomada de decisões, na medida em que é ainda muito escassa a informação disponível sobre este serviço, nomeadamente, quando é prestada através de redes separativas. 

Por outro lado, é fundamental refletir no sistema de indicadores da ERSAR e nos temas prementes e interligados para a evolução do setor, como a eficiência, a inovação, a descarbonização e a digitalização, de modo a permitir não só avaliar a sua evolução ao longo do tempo, mas também identificar fragilidades, oportunidades de melhoria e necessidades de capacitação, fundamentais na gestão deste recurso tão valioso, que é a água.

Cientes da necessidade de reflexão que deve sustentar este trabalho de revisão do sistema de indicadores, que suporta o ciclo de regulação da qualidade de serviço, a ERSAR partirá, numa primeira fase, da experiência acumulada e contributos enviados pelas Entidades Gestoras ao longo do período de aplicação da 3ª geração de indicadores, assim como da discussão no setor, que importa promover, beneficiando assim das diferentes perspetivas e experiências dos vários stakeholders.

Nesse sentido, está prevista que esta consulta e discussão da proposta da nova geração de indicadores ocorra no último trimestre do ano, em moldes ainda por definir, e que incluirá um seminário de apresentação para lançamento da discussão. É com a participação de todos os stakeholders do sector, e em particular dos intervenientes nos serviços de águas, que os resultados da reflexão que todos fizemos neste dia, em diferentes iniciativas, se poderão concretizar.       



 

 

Sessão de apresentação sobre “Regime legal da qualidade da água para consumo humano - Novos desafios e atribuições às autoridades de saúde”https://www.ersar.pt/pt/site-comunicacao/site-noticias/Paginas/webinar-regime-qualidade-agua-autoridades-saude.aspxSessão de apresentação sobre “Regime legal da qualidade da água para consumo humano - Novos desafios e atribuições às autoridades de saúde”A ERSAR disponibiliza as apresentações e conteúdos relacionados da recente sessão promovida em colaboração com a DGS e as autoridades de saúde regionais.2024-07-04T23:00:00Z
ERSAR publica relatório de Recolha Seletiva de Biorresíduos Alimentares - Resultados do Inquérito de Diagnóstico de 2024https://www.ersar.pt/pt/site-comunicacao/site-noticias/Paginas/relatorio-recolha-seletiva-biorresíduos.aspxERSAR publica relatório de Recolha Seletiva de Biorresíduos Alimentares - Resultados do Inquérito de Diagnóstico de 2024Considerando a relevância da recolha seletiva destes resíduos para o cumprimento das metas de preparação para reciclagem e reutilização e de desvio de aterro, a ERSAR realizou um inquérito junto das entidades gestoras a nível nacional.2024-07-09T23:00:00Z
Publicada nova legislação relativa ao controlo da qualidade da água para consumo humanohttps://www.ersar.pt/pt/site-comunicacao/site-noticias/Paginas/publicada-nova-legislacao-controlo-qualidade-agua-consumo-humano.aspxPublicada nova legislação relativa ao controlo da qualidade da água para consumo humanoFoi publicado o Decreto-Lei n.º 69/2023, de 21 de agosto de 2023, que determina as novas regras de controlo da qualidade da água para consumo humano.2023-08-20T23:00:00Z
Publicada a Decisão Delegada (UE) 2024/1441 da Comissão de 11 de março de 2024 estabelecendo uma metodologia para medir os microplásticos na água destinada ao consumo humanohttps://www.ersar.pt/pt/site-comunicacao/site-noticias/Paginas/decisao-delegada-controlo-qualidade-agua-microplasticos.aspxPublicada a Decisão Delegada (UE) 2024/1441 da Comissão de 11 de março de 2024 estabelecendo uma metodologia para medir os microplásticos na água destinada ao consumo humano2024-07-18T23:00:00Z